Regina Tieko

Cursou Ciências Sociais FFLCH- USP. Atua na produção de eventos e apresentação dos saraus desde 2008 e produz o Sarau Encontro de Utopias desde a sua formação, em 2009, hoje realizado no Espaço Mario Chamie, mais conhecido como Praça das Bibliotecas no Centro Cultural São Paulo. Apresenta-se na noite paulistana com repertório de MPB, sambas, jazz e blues.

Coordenou o Ponto Cultural Ocas exercendo funções de coordenação de múltiplas atividades em apoio a pessoas e coletividades socialmente excluídas, promovendo eventos, oficinas e workshops para essa população. Realizou e colaborou com saraus e oficinas em espaços para a população de rua. Trabalhou como produtora e coordenadora das atividades artísticas do evento Natal Solidário, evento realizado com o apoio de diversas entidades para a população em situação de rua, na Praça da Sé, em São Paulo (2009/2010 e 2011). Realizou saraus e oficinas de fanzine na Fundação Casa para adolescentes em conflito com a lei.

Atuou como colaboradora, produtora e apresentadora Sarau “A Plenos Pulmões” na Casa das Rosas, Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura, da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo. Desenvolveu também o Sarau na Adelpha, na Biblioteca Adelpha Figueiredo, no Pari, dentro do projeto Veia e Ventania – Literatura Periférica, do Sistema Municipal de Bibliotecas de São Paulo. Produziu ainda o Sarau Femina Arte, de forma voluntária no Centro de Cidadania da Mulher, da Secretaria Municipal de Participação e Parceria e em bares da Região do Butantã.

Participou como contralto no “Coral Luther King”, Companhia Paulista Coral, Coral da ex Universidade Livre de Música, hoje Escola de Música do Estado de São Paulo - Tom Jobim e do Grupo Língua Solta. Atualmenta canta nos Grupos Dona Yayá e Maria Antonia do Coralusp- Coral da Universidade de São Paulo. Cursou Locução no SENAC, e colocou sua voz em trabalhos de locução comercial e documentários. Concluiu o Curso de Mediação Cultural – MASP - Museu de Arte de São Paulo (Escola do MASP). Participou ainda do curso Produção Cultural módulos I e II na SP Escola de Teatro e do curso de Gestão Cultural no MIS - Museu da Imagem e do Som. Possui experiência como produtora de eventos, tendo executado eventos variados e atuado na produção do Mestre em Cultura Popular Tião Carvalho.

Sua atuação em prol da difusão cultural e democratização de acesso à cultura lhe propiciou três Prêmios Zap, nas edições de 2010, 2012 e 2015, site de jornalismo e difusão cultural em formato de revista digital, prêmios estes referendados pela UNESCO. Atuou grupo de trabalho do Plano Municipal de Livro, Leitura, Literatura e Biblioteca representando os saraus da cidade de São Paulo. Foi convidada para a banca do ProAC Saraus edições 2013 e 2014 – concurso realizado pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo.